quinta-feira, 3 de abril de 2008

POEMA COM PLEXOS





Poema com plexos

Tonho França & ** Gaivota **



Adoçar o café, sorrir,

luzir o brilho calmo do teu olhar

na estrela que dormiu em mim

a noite passada...

acordar o canto da passarinhada

caminhar a mata

respirar

parece ser tão simples mas sinto tão complexo

luzes arrefecem sonhos

comem balas bandidas

corrompem a água do mar

poluem o sabor do arco-íris

sentado na batida incessante

do coração machucado

há tantas fronteiras

tantos idiomas misturados

tantos sons

na luz do dia que

este jeito azul de ser

em tardes acentua

dores ou melancolia

pinto telas de abstrata-magia

onde colho sol

e renasço

em chuvas de poesia...





** 2008 **

__________________________

3 comentários:

LIA MAIA disse...

Poeta Gaivota,
Há tanto falar na tua transpiração.
Aonde encontrarei signos para definir teu cantar?
Ah!Esse teu jeito de ser azul.
Ah!Essa complexidade do "SER"..
Esse revirar ventre, debulhar segredos!
Tua poesia flui das penas, renasce dos vôos.
Encanta sereias ,peixes,boboletas, fadas ,passarinhos...
Ah! Gosto do teu falar sonoro,
em fá ,sol,lá,si ...
Encanta,embala,desperta.
Ah!Essa dor vinda do AMAR !!!
TONHO & GAIVOTA, perfeita parceria.
CITO:
"sentado na batida incessante do coração machucado há tantos idiomas misturados.."
LINDO !!!!

Saudações poéticas & fraternurinhas
* LIA MAIA

Maria Goreti disse...

Um dia, ainda seguro nas asas de Gaivota e nas mãos de Tonho França e sigo saboreando balas de frutas, molhando os pés nas águas do mar, dizendo coisas numa linguagem tão clara e universal que muitos corações irão pulsar compassados, num caminhar seguro, por esse caminho bucólico, sob chuva de pétalas macias, à luz da poesia e ao som de suave melodia, sem temer as palavras que não ouso repetir.

Gaivota e Tonho, isto é apenas sonho de poeta (meu).
Vocês são muitos bons e eu os admiro muito!

Beijo sua almas.

Goreti

PROFESSORA REGINA XAVIER disse...

Parabéns,poeta!!Belíssimo poema!!